Governo anuncia pagamento da progressão da carreira docente para 18 de outubro

Em matéria publicada no portal do jornal Extra, em 15 de outubro, o secretário estadual de educação, Pedro Fernandes, anunciou o pagamento da progressão da carreira docente para o dia 18 de outubro. A progressão faz parte do Plano de Carreira do Magistério Público Estadual (Lei. 1.614/90) e não estava sendo cumprida. No último encontro com o secretário, no dia 13 de setembro, o cumprimento do artigo 29 do Plano de Carreira fez parte da pauta de reivindicações do sindicato. (Saiba mais clicando aqui).

 

Clique aqui e leia a matéria completa!

Coral da UPPES encanta no encontro de corais da Aspi-UFF

O coral da UPPE-Sindicato encantou os presentes no tradicional Encontro de Corais da  Associação dos Professores Inativos da Universidade Federal Fluminense (Aspi-UFF), na última quarta-feira, 25 de setembro. Regidos pelo maestro Eduardo Lessa, o conjunto entoou clássicos nacionais e internacionais como: Das Klinget – Mozart e Cirandas do Recife – Folclore de Pernambuco.

Veja fotos:

 

Representantes da UPPE-Sindicato participam de audiência pública sobre educação de jovens e adultos

A educação de jovens e adultos (Eja) foi tema de debate da última audiência pública da comissão de educação da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de janeiro (Alerj), ocorrida no dia 25 de setembro. Representando a UPPE-Sindicato, a professora Neuza Caldas Maia, diretora de Biblioteca e Criatividade da UPPES e professora Luciane Azevedo levaram o apoio institucional da UPPES para manutenção e valorização da Eja em todo o estado. O debate contou com a participação de Representantes da Secretaria Estadual de Ciência e Tecnologia, diretores de unidades de ensino que oferecem a modalidade Eja a distância e presencial, além de alunos. Presidida pelo deputado Flávio Serafini, a audiência pública também contou com os deputados: Waldeck Carneiro, Sergio Fernandes, Eliomar Coelho, bem como o vereador de Niterói Paulo Eduardo Gomes.

Encontro UPPES de Cultura é sucesso

A décima oitava edição do evento contou com grande público que aplaudiu, de pé, as apresentações.

Sempre com o objetivo de promover a arte, a música e a literatura, a União dos Professores Públicos no Estado – Sindicato (UPPES) realizou, no dia 18 de setembro, no teatro Anaíta Custódio Cardoso, na sede da entidade, o 18º Encontro UPPES de Cultura, evento que conta com apresentação de professores e alunos de escolas públicas do estado.

O diretor de Relações Públicas e Divulgação, Raymundo Nery Stelling Junior, representando a presidente da UPPES, Teresinha Machado da Silva, reforçou, durante a abertura do evento, todo apoio e incentivo da UPPES à cultura e arte. “Trago aqui as palavras da nossa presidente, somos um sindicato que luta pelo bem-estar e boas condições para o professor e entendemos que a educação se promove em todos os níveis e diversas formas, dentre elas, a cultura, a música e a arte”, afirmou.

A coordenadora do evento, diretora de Biblioteca e a criatividades da UPPES, Neuza Caldas Maia, destacou a presença dos alunos e professores e agradeceu a todos pela presença. “Gostaria de agradecer a todos que aqui estão, além de toda a diretoria da UPPES, a presidente Teresinha Machado, pela confiança e todos os funcionários”.

O encontro deste ano, foi aberto, tradicionalmente, pelo Coral da UPPES, sob regência do maestro Eduardo Lessa, que abriu o evento com clássicos nacionais e internacionais: Além do Arco-íris – Harold Arlexa, Das Kinget – Mozart, Cirandas do Recife – Folclore de Pernambuco e Minha canção – Chico Buarque.

A pianista Letícia Figueiredo Machado da Silva, de apenas dez anos, apresentou clássicos infantis como: Mickey Mouse Mach, The Four Seasons – Vivaldi Atumm e Pela Luz dos olhos teus – Tom Jobim.

 

 

 

O grupo Ação Social pela música apresentou ao público um mix do clássico ao pop moderno: Sinfonia em Sol – Leopold Mozart, Over de Rainbow – Harold Arlen/E. Y. Harburg, Viva la vida – Coldplay, Xodó e Asa Branca – Luiz Gonzaga.

 

 

A tarde cultural também contou com a presença pop da cantora Nath Evan, que levou ao público canções do momento, além de suas composições: Pesadão – Iza (voz e piano),  Quero ver você dançar, além do clássico aclamado pelo público Miragem, de autoria da cantora.

O encontro também foi marcado pela emoção, através das canções apresentadas pelo coral Canta Minas, do Colégio Estadual Minas Gerais, de Duque de Caxias, com um medley especial de sucessos da música gospel.

 

 

O público também foi presenteado pela apresentação de ballet contemporâneo do aluno Eduardo Joseph.

 

 

 

Sempre presente nos encontros, o Centro Juvenil Oratório Mamãe Margarida apresentou um número composto por danças, ginástica e recitais de poesias de autoria dos alunos.

 

 

 

 

História e cultura marcaram presença na apresentação do Colégio Estadual Comendador Valentin dos Santos Dinis – NATA. O Grupo contou a história do Folclore Brasileiro “Cavalo Marinho”, além de apresentação musical dos alunos.

 

 

O cantor Pedro Luiz Oliveira trouxe ao público canções de sua autoria: Influências, Liberdade, Preconceito e Casa Própria.

O Grupo Vocal Animar, sob regência da maestrina Marlene Moreira, apresentou ao público um repertório da MPB: Suíte do Pescador- Dorival Caymi, Estrela do mar – Marino Pinto, Pastorinhas – Noel Rosa e Eu quero apenas – Roberto Carlos.

 

 

A pianista Telma Santos de Menezes presenteou o público com clássicos da MPB: Sá Marina – Wilson Simonal, Eu te amo – Roberto Carlos e Tocando em Frente – Almir Sater.

 

 

 

 

O evento também  contou com a presença dos diretores: Abigail Rosa Amim, Vanença Moraes, Eliane da Costa Seabra, Annita Ferro da Cunha e José Antonio Azeredo, além da secretária da UPPES Sônia Sardela e da secretária geral Lucinda Bezerra de Menezes, bem como as conselheiras: Therezinha Pacheco, Maria de Lourdes e Doris S. Abreu.

Mais fotos:

Professor, não tenha seu pagamento suspenso. Faça seu recenseamento! Saiba mais…

Foi publicada, no Diário Oficial de 18 de setembro, uma listagem dos servidores ativos, aposentados e pensionistas que não realizaram o recenseamento obrigatório. A lista pode ser acessada na versão online do Diário Oficial clicando aqui  ou, em caso de dúvidas, o filiado pode entrar em contato com a UPPE-Sindicato, através do telefone: (21) 2717-6025.

 

Fonte: RioPrevidência

A atualização cadastral começou a ser feita em novembro do ano passado (2018) para os aniversariantes do mês onze e será realizada até outubro deste ano sempre nos dias úteis de 11 a 25 do mês de aniversário.

Quem não se apresentar com a documentação completa no período indicado terá o pagamento suspenso até que o recenseamento seja feito. A suspensão do pagamento ocorrerá no mês subsequente à publicação da listagem no Diário Oficial. Exemplo: nascidos em abril que não comparecerem entre os dias 11 e 25 de abril terão os nomes divulgados no Diário Oficial no mês de maio de 2019. Caso não compareçam, o pagamento competência junho de 2019 será suspenso até que o recenseamento seja efetuado.

O recenseamento deverá ser feito por todos os 455.570 servidores ativos, inativos e pensionistas, incluindo cargos comissionados, contratos temporários, funcionários de empresas, de autarquias e órgãos da Administração Indireta, e poderá ser realizado em qualquer agência do Bradesco no país. O procedimento é uma medida do Plano de Recuperação Fiscal do Estado do Rio e tem como objetivo promover a melhoria da base de dados da folha de pagamento do funcionalismo.

A atualização cadastral obrigatória será destinada aos servidores do Poder Executivo e abrangerá os órgãos que fazem parte da folha de pagamento administrada pela Secretaria de Fazenda, por meio do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH-RJ).

Recenseamento nas agências Bradesco de todo país
A prestação do serviço será realizada pelo Banco Bradesco, em consonância com o Governo do Estado e de acordo com o edital de licitação, bem como, conforme previsto no Decreto 46.481/18 e na Resolução Conjunta Nº 55, da Secretaria de Estado de Fazenda e do Rioprevidência. A atualização cadastral poderá ser feita em qualquer agência do Banco Bradesco no país. Todos os postos de atendimento do Bradesco localizados em órgãos públicos do Governo do Estado, além de todas as agências da Capital e Grande Rio, oferecerão atendimento em horário estendido, das 9h às 17h, nos dias úteis de 11 a 25 de cada mês. Ao todo, 330 agências terão horário especial. Mais de 3 mil funcionários do Bradesco participaram de treinamento especial.

Resolução conjunta traz os procedimentos caso a caso
A Resolução Conjunta Nº 55, da Secretaria de Estado de Fazenda e do Rioprevidência, apresenta a lista de todos os documentos exigidos para os servidores ativos, inativos e pensionistas e, também, para os estrangeiros e representantes legais. A resolução também detalha os procedimentos que deverão ser adotados pelos agentes públicos, beneficiários de pensão especial, pensionistas previdenciários e aposentados que não se encontrarem em território nacional. Também são tratados os casos de agentes e pensionistas impossibilitados de locomoção ou de comparecimento ao recenseamento, além dos que estiverem de licença ou qualquer outro tipo de afastamento.

Documentação necessária:
No recenseamento obrigatório, os servidores ativos, inativos e pensionistas deverão apresentar os seguintes documentos listados – original ou cópia autenticada – em qualquer agência do Bradesco no país:

Servidores ativos (original ou cópia autenticada):
Registro Geral / RG (ou documento de identificação oficial com foto, inclusive digital, contendo a informação);
Cadastro de Pessoa Física (CPF), ou documento de identificação oficial com foto contendo a informação;
Comprovante de residência em nome próprio recente nos três últimos meses (Ex.: contas de luz, água, telefone, etc) ou, na ausência deste, declaração de residência conforme anexo da resolução, preenchida antecipadamente ao ato do recenseamento;
PIS/PASEP (NIS) ou documento contendo a informação;
Título de eleitor ou e-Título ou comprovante de votação de 2018 ou comprovante de quitação eleitoral;
Carteira de Trabalho e Previdência Social, obrigatória para os empregados públicos.

Servidores aposentados (original ou cópia autenticada):
Registro Geral / RG (ou documento de identificação oficial com foto, inclusive digital, contendo a informação);
Cadastro de Pessoa Física (CPF), ou documento de identificação oficial com foto contendo a informação;
Comprovante de residência em nome próprio recente nos três últimos meses (Ex.: contas de luz, água, telefone, etc) ou, na ausência deste, declaração de residência conforme anexo da resolução, preenchida antecipadamente ao ato do recenseamento;
PIS/PASEP (NIS) ou documento contendo a informação;
Título de eleitor ou e-Título ou comprovante de votação de 2018 ou comprovante de quitação eleitoral.

Pensionistas (original ou cópia autenticada):
Registro Geral / RG (ou documento de identificação oficial com foto, inclusive digital, contendo a informação);
Cadastro de Pessoa Física (CPF), ou documento de identificação oficial com foto contendo a informação;
Comprovante de residência em nome próprio recente nos três últimos meses (Ex.: contas de luz, água, telefone, etc) ou, na ausência deste, declaração de residência conforme anexo da resolução, preenchida antecipadamente ao ato do recenseamento. Os adolescentes que não possuírem comprovante de residência em seu nome deverão apresentar declaração assinada pelo titular do endereço onde residem;
Título de eleitor ou e-Título ou comprovante de votação de 2018 ou comprovante de quitação eleitoral;
Certidão de nascimento para os menores que não possuírem RG ou documento oficial equivalente.

Os documentos que deverão ser apresentados pelos demais casos estão especificados na Resolução Nº 55. Os servidores ativos, inativos e pensionistas que optaram pela portabilidade bancária deverão comparecer às agências Bradesco.

Informações completas
Informações completas também estarão disponíveis nos sites da Secretaria de Estado de Fazenda (www.fazenda.rj.gov.br), do Rioprevidência (www.rioprevidencia.rj.gov.br) e no Portal do Servidor (www.servidor.rj.gov.br).

Tire suas dúvidas, veja nosso Manual de Recenseamento 

Leia o Decreto nº 46.481 de 29 de outubro de 2019

Leia a Resolução Conjunta, SEFAZ/Rioprevidência – Parte I

Leia a Resolução Conjunta, SEFAZ/Rioprevidência – Parte II

Confira o calendário de convocação do recenseamento obrigatório:

rp_022510

Fonte: RioPrevidência